Páginas

02/11/2015

IGREJA DE SÃO GONÇALO

Sabem pq a Igreja de São Gonçalo tem esse nome?
São Gonçalo morreu pregando o Evangelho no Japão
Todo domingo, às 8h00, a missa é celebrada em japonês
S. Gonçalo Garcia nasceu em Baçaim, na Índia portuguesa (1556-1597), filho de pai português e mãe indiana. Foi canonizado pela Igreja Católica em 1862, por decisão do Papa Pio IX. Pertencente à ordem dos franciscanos, foi executado no Japão a mando de Toyotomi Hideyoshi.
Na Ásia frequentou o colégio dos Jesuítas e foi viver para Macau, onde trabalhou cinco anos como comerciante.
Após isso, deixou esta cidade para se tornar frade da Ordem de São Francisco, em Manila, donde partiu para o Japão em 1593, como intérprete dos missionários e pregador.
Devido à animosidade do imperador e seu povo, que estavam desagradados da política ocidental especialmente a espanhola que entretanto comandava a portuguesa, foi crucificado e trespassado por lanças numa colina de Nagasaki, juntamente com vinte e seis outros cristãos igualmente também conhecidos por isso como "Os 26 Mártires do Japão", a 5 de Fevereiro de 1597

Praça Dr. João Mendes, 108 - Liberdade
3106-8119

PLACAS DE SINALIZAÇÃO TURÍSTICA

Antes da Copa, foram instaladas placas de sinalização turística com uma breve descrição do local nos pontos turísticos da cidade (pelo centro). 
Neste link é possível ver quais os pontos e as descrições dos locais.


ARQUITETURA HISTÓRICA
Antigo Banco de São Paulo
Edifício Alexandre Mackenzie
Edifício Altino Arantes
Edifício Copan
Edifício Itália
Edifício Martinelli
Edifício Matarazzo
Estação da Luz
Estação Julio Prestes
Faculdade de Direito da USP
Galeria do Rock
Galeria Prestes Maia
Mercado Municipal
Palácio da Justiça
Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania
Tribunal de Justiça
Viaduto Boa Vista
Viaduto do Chá
Viaduto Santa Ifigênia

ARQUITETURA RELIGIOSA
Catedral da Sé
Conjunto Franciscano
Igreja da Boa Morte
Igreja da Consolação
Igreja da Ordem Terceira do Carmo
Igreja de Santa Ifigênia
Igreja de Santo Antônio
Igreja do Rosário dos Homens Pretos
Igreja São José de Anchieta
Mosteiro de São Bento

BIBLIOTECA
Biblioteca Mário de Andrade

CENTRO DE CULTURA
BM&FBOVESPA
Caixa Cultural
Centro Cultural Banco do Brasil
Galeria Olido
Praça das Artes
Prédio Histórico dos Correios

MONUMENTO
Largo da Memória

MUSEU
Beco do Pinto
Casa da Bóia
Casa Nº 1
Catavento Cultural
Estação Pinacoteca
Museu Anchieta
Museu da Energia
Museu da Língua Portuguesa
Museu de Arte Sacra
Museu do Tribunal de Justiça
Pinacoteca do Estado
Solar da Marquesa de Santos

PARQUE
Parque Jardim da Luz

PATRIMÔNIO CULTURAL
Boulevard São João
Largo do Arouche
Largo do Café
Largo do Paissandu
Largo São Bento
Largo São Francisco
Mercado de Flores
Pátio do Colégio
Praça Antônio Prado
Praça da Liberdade
Praça da Luz
Praça da Sé
Praça do Patriarca
Praça Júlio Prestes
Praça Ramos de Azevedo
Vale do Anhangabaú

PRAÇA
Praça Coronel Fernando Prestes
Praça da República
Praça Dom José Gaspar
Praça Roosevelt

TEATRO
Sala São Paulo
Theatro Municipal



 

Sinalização turística para pedestres no centro

Mapa

Azul - Placas de monumento
Vermelho - Placas de região

SÃO PAULO NO GUINESS BOOK

Hoje deu curiosidade em saber em quais situações SP aparece no livro dos recordes. Este foi o resultado da minha pesquisa:

PARADA GAY
Em 2006, a Polícia Militar estimou o público em 2,5 milhões de pessoas (os organizadores estimaram em 3 milhões), sendo essa a última vez que a PM divulgou sua contagem, número esse que se encontra no Guiness Book como a maior parada gay do mundo. Em 2008 foi excluído do livro por não ter documentos que comprovassem os números.

MAIOR PAPAI NOEL DO MUNDO
2013 > No Shopping Center Norte. com 20 m de altura e 14 toneladas. O projeto consumiu quase R$ 1 milhão, quatro meses para construção e outros 26 dias para a montagem. Por 17 anos seguidos, o título pertenceu a Cingapura, que ergueu um “bom velhinho” de 15 metros de altura.

MAIOR JARDIM FRONTAL DE PRAIA - SANTOS
Como o maior jardín frontal do mundo
Os jardins se estendem ao longo de sete bairros da cidade, passando por Aparecida, Boqueirão, Embaré, Gonzaga, José Menino, Pompeia e Ponta da Praia, e é uma grande fonte de recursos biológicos .

DEMÔNIOS DA GAROA
Como o conjunto vocal mais antigo do Brasil em atividade. Em cena desde a década de 40, o grupo tem uma discografia de mais de 20 títulos, um mais paulistano que o outro: Saudosa Maloca, Trem das Onze, Torre de Babel, Samba do Metrô, 55 Anos de Garoa e por aí vai.

BOLO DO BIXIGA
Como maior bolo de aniversário do mundo

ZOOLÓGICO
Em 1994 o Guinness Book outorgou o diploma de maior zoológico do Brasil à Fundação Parque Zoológico de São Paulo

CARNAFACUL
Beijo simultâneo de 13.577 mil casais durante a edição de São Paulo bate recorde mundial, durante o Carnafacul 2014, promovido pela marca Devassa

COPAN

Como o maior condomínio residencial da américa latina

Se souberem de mais alguma informação, poste aqui para que eu possa atualizar esse post.

OSCAR NIEMEYER

Kobra é um muralista e artista plástico reconhecido mundialmente. Ele fez uma intervenção artística na lateral da parede do Ed. Ragi, na Praça Oswaldo Cruz, em homenagem ao arquiteto Oscar Niemeyer (RJ, 15/12/1907 - RJ, 05/12/2012). A  pintura tem 52 metros de altura e 16 metros de largura. Foi entregue para o aniversário de São Paulo, no dia 25/01/2013. 

Dizem que é possível ver no rsoto, camisa e mãos algumas obras do arquitecto, como a  Pampulha, o Copan, o Museu Oscar Niemeyer e o Palácio do Planalto.

Vocês conseguem ver?


PLACAS DE RUAS

Vc reparou no número que tem no cantinho das placas de ruas? Não?
Bom, eu sou apaixonada por placas de ruas e reparo em tudo... fui pesquisar e descobri algumas curiosidades.
O número 3 que eu circulei em vermelho na placa da avenida Paulista indica que essa rua está a 3Km do marco zero de SP. Na placa da avenida Tucuruvi consta o número 10 pq está a 10Km do centro. E pq a placa da 25 de março é branca? Todas as brancas indicam que a rua está no centro histórico de SP.

E pq os nomes se repetem na placa? Na verdade, na primeira linha consta o "apelido" da rua, o nome pelo qual a rua é mais conhecida. E na linha de baixo, o nome completo da rua.





E afinal, onde é o marco zero de SP? 


em frente à Catedral da Sé.


Vi uma matéria onde diziam que o plano era colocar uma pequena descrição sobre o nome da rua, como consta nesta placa:


Mas na verdade, não vi muitas placas com descrição.

SEMÁFOROS DIVERTIDOS

Repararam que em alguns pontos turísticos da cidade, os semáforos são diferentes?
Pois é, trata-se uma homenagem feita pela CET. 

Não há informação de quais os locais, mas eu identifiquei em 20 pontos da cidade. São eles:


Eu adorei! E vc?

21/09/2015

TOUR DE PORTAS

Ontem, domingo 20/09/15, fizemos um Tour de Portas pelo centro de SP.


















CRIAÇÃO DE BLOG

Ontem, dia 20/09/15 realizamos um encontro com os Guias de Turismo para que cada um pudesse criar seu próprio blog.

Todos saíram do encontro com noções básicas para que possam alimentar o blog com informações sobre a cidade de SP e seus projetos pessoais.


2a Romaria Nacional dos Profissionais de Turismo à Aparecida

Tema: Santuário, Romaria e Peregrinações
Para Inscrições e programação, clique aqui


15/05/2015

MOSTRA VIAJAR

Quando: de 29 a 31 de maio de 2015.
Horário: das 11h às 19h.
Local: Pavilhão das Culturas Brasileiras – Parque Ibirapuera.
End.: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Vila Mariana – zona Sul – São Paulo.
Preço: ingresso unitário R$ 15; ingresso duplo R$ 20. Crianças até seis anos não pagam. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia entrada.
Tel.: (11) 3905-6300.
www.mostraviajar.com.br 



29/03/2015

RELÓGIO DA ESTAÇÃO DA LUZ

Por que em alguns relógios o número 4 romano aparece como IIII e não como I
V?
1ª hipótese >
usar o IIII deixa o relógio mais equilibrado esteticamente. É só reparar no mostrador: as primeiras quatro horas são representadas pelo numeral I (I, II, III, IIII), as quatro seguintes utilizam o V (V, VI, VII, VIII) e as restantes o X (IX, X, XI, XII). Mais simétrico que isso, impossível!
2ª hipótese > 
é de origem religiosa. É que o nome do deus romano Júpiter é grafado em latim como IVUPITER. Ou seja, para não utilizar as iniciais do deus "em vão" alguns romanos teriam optado por manter a velha forma IIII.
3ª hipótese > Ao verificar o seu horário de partida, o maquinista de uma das composições, olhou o relógio da estação através do espelho retrovisor de sua composição.
Pela imagem refletida confundiu os números IV com o número VI e saiu da Estação Ferroviária antes do seu horário de partida. Outro trem vinha pela mesma linha em sentido contrário e colidiram brutalmente.
Na estação, desde então o relógio teve o numeral romano IV substituído por IIII, para evitar uma futura “confusão”.
Muitos moradores de Paranapiacaba preferem os relógios de pulso e de parede com esta grafia alterada, pois o número IV foi associado a mau agouro.
Aqui no Brasil, um bom exemplo de relógio que usa o numeral IIII é o da Estação da Luz, na cidade de São Paulo. Seu relógio foi, desde o início, um ponto de referência para que todos mantivessem seus horários ajustados.
Outra curiosidade: nos cantos há os números 1 9 0 0. A entrega da estação seria 1900, mas acabou sendo em março de 1901.

21/01/2015

MAIS VÍDEOS

Mary del Priore: Sexualidade e Erotismo na História do Brasil

Mary Del Priore discute educação, cidadania e política

Mary Del Priore - Biografias de 'O Príncipe Maldito' e 'Condessa de Barral', diletos de D.Pedro II

Um retrato do Brasil, por Laurentino Gomes


Roda Viva | Laurentino Gomes – bloco 1
https://www.youtube.com/watch?v=FFIXmVuWd9U

Roda Viva | Laurentino Gomes – bloco 2
https://www.youtube.com/watch?v=SH0z2iH3Xec

Roda Viva | Laurentino Gomes – bloco 3
https://www.youtube.com/watch?v=yTrs1lrYHQc

Roda Viva | Laurentino Gomes – bloco 4

ENTRE RIOS -História da ocupação do solo e rios da cidade de São Paulo

IMPERATRIZ D.LEOPOLDINA DO BRASIL - Documentário

MARQUESA DE SANTOS UMA HISTORIA REAL 1

MARQUESA DE SANTOS UMA HISTORIA REAL 2

MARQUESA DE SANTOS UMA HISTORIA REAL 3

MARQUESA DE SANTOS UMA HISTORIA REAL 4

NOS PASSOS DO IMPERADOR II

NOS PASSOS DO IMPERADOR II
https://www.youtube.com/watch?v=DdSmgRcKRvw

NOS PASSOS DO IMPERADOR III

NOS PASSOS DO IMPERADOR IV

NOS PASSOS DO IMPERADOR V


O ENIGMA DO EDIFICIO JOELMA = COMPLETO

O CRIME DO POÇO

O CRIME DA MALA

História do Apóstolo Paulo

HISTÓRIA DO BRASIL: OS BANDEIRANTES
https://www.youtube.com/watch?v=ZU9Epqqw6-A

História Secreta de São Paulo – 1
https://www.youtube.com/watch?v=HevsdomwvIo
História Secreta de São Paulo – 2
https://www.youtube.com/watch?v=DzcWf9fih78
História Secreta de São Paulo – 3
https://www.youtube.com/watch?v=VA_Dl4MWymU
História Secreta de São Paulo – 4
https://www.youtube.com/watch?v=9RrRFgoANv8
História Secreta de São Paulo – 5
https://www.youtube.com/watch?v=cetRL_lzIQg

25/08/2014

6 MINIPRAÇAS


Em breve...

CHICLETE EM ESCULTURA NO CENTRO – De 06/09/14 até 27/10/14

Os paulistanos que passarem em frente ao prédio do Centro Cultural Banco do Brasil, serão convidados a fazer arte com chicletes (mastigados ou não). Será instalada a escultura Gumhead, uma cabeça de 2 metros de altura feita de aço e espuma. No primeiro dia, ela é exposta limpinha, com sua cor predominantemente negra, mas sua aparência e textura mudam à medida que o público cola as gomas de forma espontânea, tornando se então colorida e ondulada. A obra é um “autorretrato” do artista canadense Douglas Coupland, que a apresentou pela primeira vez em maio, em frente à Vancouver Art Gallery, em seu país natal — na ocasião, bastaram duas semanas para cobri-la. 

SANDUWEEK - até o dia 31/08/14

A Sanduweek, evento que reúne diversas casas com especialidades em lanches, faz duas edições de uma feirinha gastronômica dedicada aos sanduíches criativos no Butantan Food Park. 

RETORNO À AMAZÔNIA ITINERANTE - VÃO DO MASP - até 31/08/14

Há 30 anos, Jacques Cousteau, seu filho Jean-Michel Cousteau e uma equipe de mais de 50 pessoas faziam a primeira expedição na Amazônia. 

Vinte e cinco anos depois, seu herdeiro revisitou a grande floresta com os seus filhos e grande parte da equipe que fez a expedição em 1982, com o objetivo de responder uma pergunta: em 25 anos, o que mudou na floresta? Essa e outras respostas estão ilustradas na exposição “Retorno à Amazônia Itinerante”.
Fonte: Catraca Livre

Exposição Internacional de Cartazes – 22/08/14 a 26/10/14

Com cerca de 200 cartazes inéditos criados por diferentes designers, o Museu da Língua Portuguesa recebe a “Exposição Internacional de Cartazes AGI”, em parceria com a Alliance Graphique Internationalle (AGI), uma das mais importantes associações de designers do mundo.

Local: Museu da Língua Portuguesa
Horário: das 10h às 18h

Entrada gratuita

SALVADOR DALÍ – 16/10/14

Em outubro será a vez de São Paulo receber a maior retrospectiva das obras do surrealista Salvador Dalí (1904 – 1989). 

Serão cerca de 150 itens do artista catalão, entre pinturas, gravuras, desenhos e filmes.


Local: Instituto Tomie Ohtake

15/08/2014

MEMORIAS DAS GUERRAS E REVOLUÇÕES EM SP

Com o objetivo de mostrar que São Paulo foi palco de grandes revoluções e manifestações que mudaram o cenário político e social do país, preparamos esse especial de Guerras e Revoluções em São Paulo. Aqui vamos elaborar um roteiro super completo com museus e locais para visitação que simbolizam esses movimentos e muita gente não conhece. Confira abaixo cada um deles, programa-se e pé na rua!

Museus Dedicados à Memória da Revolução de 32

A Revolução Constitucionalista de 32 foi um movimento armado com objetivo de tirar do poder o Governo Provisório, do então presidente Getúlio Vargas. O conflito ocorreu entre julho e outubro daquele ano e contabilizou um saldo oficial de 934 mortos, embora estimativas, não oficiais, reportem até 2.200 mortos. Durante uma das grandes revoltas, uma multidão invadiu o prédio no cruzamento da Av. Ipiranga com R. Barão de Itapetininga, sede da Legião Revolucionária. Na ocasião morreram Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo, cujas iniciais se tornaram símbolo do movimento revolucionário: M.M.D.C.

Abaixo temos alguns museus dedicados à história dessa revolução.

Memorial 32 – Centro de Estudos José Celestino Bourroul 
Trata-se de um memorial em homenagem ao engenheiro José Celestino Burroul que prestou serviços a prefeitura de São Paulo durante 45 anos, e era um estudioso da Revolução de 32. No local é possível ter acesso a um acervo com objetos e armamentos utilizados na revolução. Há também uma biblioteca com trabalhos ainda não publicados, rascunhos, cadernetas de campo de combatentes, álbuns de materiais utilizados na campanha que motivou o combate, recortes de jornais da época, listas de contribuições e etc. 
Galeria Jorge Mancini 
A Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo também mantém para visitação pública, um acervo sobre a Revolução Constitucionalista de 1932. O objetivo é homenagear os envolvidos e relembrar o marco histórico que foi para a cidade e para o estado. 

Em uma sala estão expostos, documentos, peças e materiais diversos que contam a história da Guerra Paulista. 

Obelisco Mausoléu (Ibirapuera)
O monumento funerário, localizado no Parque Ibirapuera, começou a ser construído em 1947, foi inaugurado em 1955, porém só foi finalizado em 1970. Símbolo da Revolução Constitucionalista de 1932, o Obelisco é um projeto do escultor ítalo-brasileiro Galileo Ugo Emendabili, com execução do engenheiro alemão radicado no Brasil, Ulrich Edler, tem 72 m de altura e está no jardim que aponta para a Avenida 23 de Maio, data em que ocorreu a morte dos quatro primeiros revolucionários.

Tombado pelos conselhos Estadual e Municipal de Preservação de Patrimônio Histórico, o Mausoléu guarda até hoje os corpos dos estudantes mortos, além de 713 ex-combatentes. Para preservar a memória da rebelião, cenas bíblicas e passagens da história paulista foram feitas com pastilhas de mosaico veneziano. No Mausoléu também foi escrita a frase: "Viveram pouco para morrer bem; morreram jovens para viver sempre", em homenagem aos estudantes. 

Memorial da Resistência de São Paulo
O Memorial da Resistência de São Paulo, que inclusive sediou o Departamento Estadual de Ordem Política e Social do Estado de São Paulo – Deops/SP, foi criado para preservar a memória do período de repressão.Os trabalhos foram desenvolvidos pelo Fórum Permanente dos Ex-Presos e Perseguidos Políticos do Estado de São Paulo e o apoio de colaboradores e instituições culturais e o Arquivo Público do Estado de São Paulo.

O Memorial tem um papel educativo e cultural por meio da problematização e atualização das informações sobre a repressão no Brasil. 

Museu da Imigração do Estado de São Paulo
Localizado no tradicional bairro da Mooca, na zona Leste da cidade, o Museu da Imigração do Estado de São Paulo é o principal responsável pela preservação da memória das pessoas que chegaram ao Brasil em meados do século XIX e XX, e que com seu trabalho ajudaram a construir e a transformar a capital paulista e o país. 

Atuando como ponto de encontro de diversas comunidades de imigrantes, as origens do atual museu remontam a 1887, ano em que foi fundada a Hospedaria de Imigrantes, local que tinha como função acolher e encaminhar ao trabalho viajantes trazidos pelo governo. Ao longo de seus 91 anos de atividade, a Hospedaria, que foi fechada em 1978, recebeu cerca de 2,5 milhões de pessoas de mais de 70 nacionalidades. As histórias desses trabalhadores continuam vivas, preservadas nos depoimentos, fotos, documentos e jornais que compõem o grande acervo do Museu da Imigração, outrora conhecido como Memorial do Imigrante.

Um dos principais pontos turísticos da cidade, não só por seu valor histórico, mas também por sua arquitetura centenária, o museu conta com diversas atrações além de suas exposições, como um passeio de Maria Fumaça. 

Museu da Policia Civil do Estado de São Paulo
Criada em 1841, a Polícia Civil é uma instituição integrante da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e visa à preservação da ordem, das pessoas e do patrimônio público.

Já o Museu da Polícia Civil, criado na década de 1920 na Cidade Universitária, no Butantã, preserva e reúne cerca de três mil artigos, documentos e objetos que marcaram os mais de 170 anos de história da corporação

Entre eles estão um polígrafo, o detector de mentiras dos interrogatórios; um conservado baratinha, antigo fusca que circulava em rondas pela cidade na década de 1950, aposentado em 2008; além de artefatos usados em grandes crimes, uma coleção de armas, registro de acidentes e estátuas de cera representando célebres criminosos, como o bandido da Luz Vermelha e Chico Picadinho.

Situado na zona Oeste, o local fica próximo a estação Butantã da linha 4-Amarela do metrô, além de possuir várias linhas de ônibus da SPTrans, que circulam pela região da Cidade Universitária. 

Museu da Policia Militar do Estado de São Paulo 
O Museu da Polícia Militar foi criado em 11 de agosto de 1958 e durante muitos anos permaneceu vinculado à Secretaria da Educação. Em 1976 foi transferido à Secretaria da Segurança Pública, e passou a ficar sob a responsabilidade da Polícia Militar. O espaço tem como objetivo retratar a ação das históricas "Força Pública", "Forças Armadas" e a evolução da Polícia Militar no estado.

Atualmente está em reforma no antigo prédio do Hospital Militar da Força Pública, um edifício projetado pelo arquiteto Ramos de Azevedo. No acervo predominam os objetos pertencentes às corporações policiais paulistas, como a "Força Pública do Estado", a "Guarda Civil de São Paulo", a "Polícia Marítima e Aérea", "Polícia Feminina", "Polícia Especial", "Guarda Noturna de São Paulo", entre outras corporações nacionais e internacionais. 

Há também uma coleção de uniformes de época, acessórios, distintivos, bonés, capacetes, gorros, além de objetos da Revolução de 1932, armaria, equipamentos de comunicação e de operações de guerra, viaturas, fotografias, mapas e outros documentos históricos.

Espaço Cultural Poeta Paulo Bomfim
Localizado no Palácio da Justiça e inaugurado em 2009 em comemoração aos 77 anos da Revolução Constitucionalista de 1932, o Espaço Cultural Poeta Paulo Bomfim, nomeado em homenagem ao artista que escreveu importantes versos sobre o levante paulista, abriga um acervo com medalhas, livros, honrarias, documentos e uniformes, além da reprodução de um quadro de Anita Malfatti. 

Monumentos Expostos na Praça Heróis da FEB
Por fim, os interessados pela temática militar podem ainda conferir, gratuitamente e ao ar livre, verdadeiras relíquias das Força Expedicionária Brasileira, expostas em frente à Prefeitura de Aeronáutica de São Paulo, na Avenida Santos Dumont, junto à Praça Heróis da FEB, na zona Norte da capital. O Mirage III, o primeiro avião supersônico do Brasil, hélices e munição antiaérea estão entre os itens a ser conferidos.

Memorial 32 – Centro de Estudos José Celestino Bourroul
Horário de funcionamento: de segunda a quinta, das 12h às 17h.
End.: Rua Benjamin Constant, nº 158 – Sé – Centro – São Paulo.
www.memorial32.org.br

Galeria Jorge Mancini
Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 8h30 às 16h30.
End.: Rua Venceslau Brás, 206.  – Sé – Centro – São Paulo.
Tel.: (11) 3293-9581 / 3293-9588
www.afpesp.org.br/cultura/texto.aspx?t=22

Obelisco Mausoléu (Ibirapuera)
End.: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Vila Mariana – zona Sul – São Paulo. 
Tel.: (11) 5574-5045.
www.parqueibirapuera.org/areas-externas-do-parque-ibirapuera/obelisco-do-ibirapuera/.

Memorial da Resistência de São Paulo
Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 17h30.
End.: Largo General Osório, 66 – Luz – Centro – São Paulo.
Tel.: (11) 3324-0943/ 0944.
www.pinacoteca.org.br

Museu da Imigração do Estado de São Paulo
Horário de funcionamento: terça, quarta, quinta e sábado, das 9h às 17; sexta, das 9h às 21h; domingo, das 10h às 17h.
End.: Rua Visconde de Parnaíba, 1316 – Mooca – zona Leste – São Paulo.
Tel.: (11) 3311-7700/ (11) 2692-1866/ (11) 2692-9218.
museudaimigracao.org.br

Museu da Policia Civil do Estado de São Paulo 
Horário de funcionamento: de terça a sexta, das 13h às 17h. 
Local: Academia de Polícia "Dr. Coriolano Nogueira Cobra".
End.: Praça Prof. Reinaldo Porchat, 219 - Cidade Universitária - Butantã - zona Oeste - São Paulo.
Tel.: (11) 3468-3360.
www.policiacivil.sp.gov.br/Museu_da_Policia_Civil

Museu da Policia Militar do Estado de São Paulo 
Horário de funcionamento: o museu está fechado para visitação, estão em funcionamento somente a biblioteca e o arquivo histórico, de terça a domingo, das 9h às 17h.
End.: Praça Prof. Reinaldo Porchat, 219 - Cidade Universitária - Butantã - zona Oeste - São Paulo.
Tel.: (11) 3311-9955 / 3227-3793. 

Espaço Cultural Poeta Paulo Bomfim
Local: Tribunal de Justiça de são Paulo.
End.: Praça da Sé, s/n - Centro - São Paulo.
Tel.: (11) 3242-9366.
www.tjsp.jus.br/Default.aspx

Monumentos expostos na Praça Heróis da FEB
End.: Praça Heróis da FEB, s/n – Santana – zona Norte – São Paulo.


Fonte: SPTuris

BEAUTY WEEK - 12/08/14 a 24/08/14

Os paulistanos e, principalmente, paulistanas já podem se preparar. A cidade ganha, no mês de agosto, mais uma forma de experiência inédita, aBeauty Week.
Nos moldes da Restaurant Week, o evento acontece da seguinte forma: mais de 60 salões de beleza – entre os mais conceituados e disputados da cidade –, passam a oferecer seus serviços a preços reduzidos.
Em sua primeira edição, o evento acontece de 12 a 24 de agosto e conta com a participação de renomados salões que, em sua maioria, não são de fácil acesso ao grande público, como unidades das redes Jacques Janine,Studio W, Soho e o badalado Retrô Hair.
Os locais participantes oferecem aos clientes três opções de pacotes: de R$ 40, R$ 80 e R$ 160, cada um com os serviços determinados pelo estabelecimento. Entre os serviços oferecidos, estão cortes de cabelo, hidratação, depilação, manicure, massagem, entre outros.
Além da oportunidade de ser tratado pelos melhores e mais prestigiados profissionais do mercado a preços super acessíveis, o cliente que participar ainda tem a chance de ajudar uma causa muito nobre.
O evento apoia a Cabelegria, ONG que arrecada cabelos para confeccionar perucas para crianças com câncer. De cada um dos pacotes adquiridos pelos clientes, R$ 1 será revertido para o projeto social. 
Os serviços, oferecidos para o público feminino e masculino, devem ser previamente agendados através do site do evento, ou diretamente no site do Salão Vip.